Pé Bôto:

  • deformidade congénita
  • bilateralidade frequente
  • “enrolamento” do pé sobre o seu eixo
  • perda do apoio da planta do pé no chão
  • aumento da rigidez  com o crescimento
  • tratamento precoce (método de Ponseti)
  • tendência à recidiva ( “o pé boto tem memória”)

 

 

 

 

 

   

Pé Bôto não tratado